E agora, onde estão os ativistas? Estado ISLÂMICO mata GAYS e apresenta imagens ao mundo como um “show” macabro.

E agora, onde estão os ativistas? Estado ISLÂMICO mata GAYS.

Ficou evidente o que ninguém queria dizer. O radicalismo islâmico discrimina e mata homossexuais. Podemos esperar agora que nas principais capitais do planeta os ativistas homossexuais realizem grandes manifestações na frente das mesquitas?

gaysisis0Já está mais do que evidente que o ISIS quer chocar todo o ocidente com suas atrocidades. Gerando polarização entre islamitas e infiéis o grupo terrorista tem possibilidade de conseguir uma grande guerra religiosa.

Um mascarado anuncia em um microfone que os dois prisioneiros estão “envolvidos em atividades homossexuais, e devem ser punidos de acordo com a lei islâmica, a Sharia”. Na praça cerca de 100 metros abaixo, uma grande multidão só de homens estava reunida.

11111crossgays-1-19_14-37-24_No-00

Na imagem ampliada pode-se perceber duas pessoas crucificadas.

Os eventos ocorreram em Mosul, a terceira maior cidade do Iraque, que é agora controlada pelo ISIS.

Dois homossexuais foram atirados do telhado de um prédio no Iraque, pelo grupo extremista Estado Islâmico, conhecido como ISIS. As imagens chocantes da “punição” foram compartilhadas pelos membros da grupo através de sites de compartilhamento de imagens.

Nas imagens, é possível ver homens com as tradicionais máscaras do ISIS  empurrando os dois homens, supostaos homossexuais, enquanto uma multidão passiva assiste à queda, na rua.

No meio dos espectadores da execução, outros dois homens teriam sido crucificados.

“O tribunal islâmico em Wilayet al-Furat decidiu que um homem que tenha praticado sodomia deve ser jogado do ponto mais alto da cidade e, em seguida, apedrejado até a morte”, teria dito um  membro do ISIS em uma declaração fornecida à AFP.

http://sociedademilitar.com.br

Share Button

Artigos importantes

Comentários