Eva CHIAVON e Perpetua ALMEIDA estão de volta. Agora no SENADO – Eles sempre dão uma “encaixadinha”.

Notícia – Brasília – 26/12/2016 – A Revista Sociedade Militar recebeu a lista de cargos comissionados assumidos no SENADO FEDERAL. Ninguém se surpreendera com alguns nomes que constam no documento. Auxiliares diretos de líderes de esquerda aparentemente sempre têm seu lugarzinho guardado nos corredores do poder.

EVA CHIAVON

SUPER ASSESSORA da esquerda, que foi a Toda Poderosa Secretária Executiva do Ministério da DEFESA, secretária executiva da Casa Civil e Ministra-Chefe substituta da casa civil por várias semanas, retorna ao cenário público com um cargo comissionado-remunerado no SENADO

Eva chegou a ser elogiada pelo atual Comandante da Aeronáutica por sua atuação nas negociações do caça GRIPEN, foi agraciada com comendas militares e saiu da defesa apenas para acompanhar Jaques Wagner, quando este foi transferido para a Casa Civil, na tentativa de salvar o já desestruturado “governo” Dilma Roussef.

A ex-tudo foi discretamente encaixada dentro do SENADO federal como ASSESSORA PARLAMENTAR – SF02. Abaixo cópia de relatório de vencimentos

Nome: EVA MARIA CELLA DAL CHIAVON / Vínculo: COMISSIONADO / Situação: ATIVO – Admissão: 2016 / Cargo/Plano: CARGO EM COMISSÃO / Função: SF02 – Nome da Função: ASSESSOR PARLAMENTAR / Estrutura Remuneratória Básica 19.952,53

Perpétua no SENADO

MARIA PERPETUA DE ALMEIDA, outra militante e ex-deputada de esquerda que ocupou cargos importantes no Ministério da DEFESA, como a chefia da Secretária de Produtos de Defesa (Seprod), também permanece dentro dos corredores do poder. Ela foi encaixada também no SENADO FEDERAL. A ex-deputada, membro do Partido Comunista, ex-bancária e ex-professora ganhou um cargo SF 01, com remuneração básica um pouco mais baixa que o pago para a função assumida por Eva Chiavon

perpetua assume cargo no senadoNome: MARIA PERPETUA DE ALMEIDA /Vínculo: COMISSIONADO.
Cargo/Plano: CARGO EM COMISSÃO  Função: SF01 – Nome da Função: SECRETÁRIO PARLAMENTAR / Estrutura Remuneratória Básica – 15.646,85

Revista Sociedade Militar – Revista Militar – O seu PORTAL MILITAR na internet

Share Button

Comentários