MILITARES – Pensão para ex-militares do BATALHÃO SUEZ – Polêmicas

CRITICADA A PROPOSTA de AJUDA FINANCEIRA para EX-COMBATENTES do SUEZ

pensão para batalhão suez

Quando enviados para o local foram com toda a pompa e proclamado orgulho da sociedade brasileira. Agora, parlamentares e grande mídia trata os integrantes do batalhão SUEZ como um estorvo. Lembramos aqui que a pensão de 2 salários mínimos – se aprovada – somente será concedida para aqueles que não possuem renda mensal abaixo desse valor.

MILITARES DO BATALHÃO SUEZ EM MARSELHA

Embora nos textos que tratam da questão a grande mídia exponha fotografias de MILITARES JOVENS em gozo de plena saúde e fale num número de 7.000 integrantes da tropa, temos que lembrar aqui que os ex-soldados tem idades na casa dos 70 anos e dos 7.000 integrantes do batalhão SUEZ somente cerca de 10% precisam e poderão ser beneficiários dessa ajuda.

A grande mídia tenta, ardilosamente, ligar os integrantes do batalhão SUEZ com os militares que atualmente terão sua “previdência” revisada pelo governo. O PL8254 que trata da questão SUEZ não tem qualquer relação com o sistema de proteção social dos militares das FA.

A região do SUEZ era conflituosa e sujeita e grande gama de moléstias e privações. Os integrantes do batalhão SUEZ foram homenegeados em vários locais do país e têm uma praça em sua honra, no RIO GRANDE DO SUL. O monumento com os nomes dos integrantes do contingente foi VANDALIZADO recentemente. Uma sociedade honrada tem que respeitar e honrar os compromissos assumidos. 

Imagem do monumento vandalizado. Créditos: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2016/10/galeria_de_imagens/526669-monumento-da-praca-batalhao-suez-e-depredado-em-porto-alegre.html 

Revista Sociedade Militar – A revista MILITAR do Brasil – Portal Militar / Segurança Pública

Share Button

Comentários