Política Brasil

Extra: SÉRGIO MORO teria assinado contrato milionário com empresa citada na fraude em compra de respiradores em Fortaleza, revela site



O Ministério da Justiça, comandado por Sérgio Moro, assinou dois contratos sem licitação no valor total de R$ 1.2 milhão com empresa investigada pela Policia Federal por irregularidades na venda de respiradores para tratamento de pacientes com covid-19 em Fortaleza.

A informação é de: https://diariodonordeste.verdesmares.com.br/editorias/politica/online/empresa-investigada-por-operacao-em-fortaleza-mantem-contrato-com-o-governo-federal-1.2249627

A empresa BuyerBR Serviços e Comércio Exterior, além do contrato de R$ 1.2 milhão com o Governo Federal, fechou negócio, também sem licitação, com o Governo de Fortaleza para a venda de respiradores.

A suspeita era de que a empresa superfaturou os preços dos respiradores, outras prefeituras compraram o equipamento por R$ 60 mil e o próprio estado do Ceará comprou por R$ 117 mil. A prefeitura de Fortaleza comprou por R$ 234 mil.

A empresa argumenta que comprou os equipamentos com uma empresa com sede na Alemanha que não honrou o compromisso de embarque da mercadoria. A empresa diz que vai devolver o dinheiro.

“A empresa atesta ainda que está devolvendo os valores recebidos para que o Município inicie uma nova licitação.”, diz o Diário do Nordeste

O colunista do A Politica de Fato, Dom Lancellotti, denunciou através de seu twitter que além desses 2 contratos assinados pelo Moro, ainda existem outras 6 operações entre o Ministério da Justiça e a empresa investigada.

Ligação com a Esquerda, diz blogueiro

Continuando com a denuncia feita por Dom Lancellotti, ele destacou que funcionários da empresa investigada nessa irregularidade atacam o governo Bolsonaro em suas redes sociais e apoiaram Haddad nas últimas eleições.

“Deve ser só coincidência”, twittou em tom de ironia.

 

Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Mais acessados da semana

To Top