fbpx
Forças Armadas / Polícia

EUA – Transgêneros de volta ao FRONT, salários melhores para MILITARES e erradicar o racismo nas FORÇAS ARMADAS. Promessas de Joe Biden

Compartilhe

Nos Estados Unidos a luta dos políticos para conquistar os militares e – consequentemente – compartilhar do status que estes têm diante da sociedade, é cada vez mais intensa.

A plataforma eleitoral dos democratas inclui propostas como garantir que o pagamento dos militares seja equiparado às carreiras civis, a isenção fiscal para cuidadores de veteranos feridos e “reequilibrar os investimentos” no Departamento de Defesa para limitar gastos desnecessários. O partido de BIDEN incluiu ainda em seu texto itens relacionados à questões sempre presentes na pauta da esquerda. O partido considera que há discriminação racial na justiça militar dos EUA e propõe:  “erradicar o racismo sistêmico de nosso sistema de justiça militar.

Nos Estados Unidos as plataformas políticas dos partidos são usadas como os princípios que norteiam as ações dos líderes eleitos ao governar o país.

O partido de BIBEN pretende ainda encerrar os combates no Oriente Médio: “compromisso atrasado de acabar com as guerras eternas, e faremos isso com responsabilidade – definindo prioridades, liderando com diplomacia, protegendo-nos do terrorismo ameaças, capacitando parceiros locais e trazendo nossas tropas para casa. Os democratas estão comprometidos com um acordo político duradouro e inclusivo no Afeganistão que garante que a Al-Qaeda não tem permissão para se reconstituir, o Estado Islâmico (ISIS) não tem permissão para crescer, e a comunidade internacional pode ajudar os afegãos a salvaguardar ganhos conquistados, especialmente para mulheres e meninas.  Os democratas vão encerrar o apoio à guerra liderada pelos sauditas no Iêmen e ajudar a encerrar a guerra. Esta guerra é responsável pela pior crise humanitária do mundo e amplifica as ameaças ao região e aos nossos interesses. Democratas acreditam que os Estados Unidos deveriam apoiar diplomáticos esforços – não bloqueá-los…”, diz um trecho do documento.

Outra parte da proposta menciona que nos EUA os militares negros hoje teriam duas vezes mais possibilidades de ser indiciados na justiça militar do que os militares brancos, diz ainda que transgêneros voltarão a servir nas Forças Armadas caso Joe Biden seja eleito.

Vamos enraizar fora o racismo sistêmico de nosso sistema de justiça militar, onde membros negros do serviço são duas vezes mais provavelmente como brancos para enfrentar a corte marcial. “…  “Protegeremos e aumentaremos as oportunidades para qualquer pessoa que possa cumprir padrões para servir em funções de combate, e vamos lutar contra o flagelo do estupro e da agressão sexual em nosso militares, acabem com a retaliação e impunidade e cuidem dos sobreviventes. Vamos reverter a proibição odiosa de transgêneros da administração, exclusões discriminatórias em assistência médica militar e políticas que estigmatizam e discriminam as pessoas que vivem com HIV e AIDS, e garantem que os membros do serviço LGBTQ + e suas famílias desfrutem de igual respeito, benefícios e atenção.

Revista Sociedade Militar

Compartilhe
Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Mais acessados da semana

To Top