Forças Armadas

Invadir o Brasil! Evo Morales. “Isso é idiotice, um sopro de nosso Exército basta para o seu virar pó.”




Invadir o Brasil! Evo Morales. “Isso é idiotice, um sopro de nosso Exército basta para o seu virar pó.”

Revista Sociedade Militar

Nos últimos dois dias a editoria da Revista Sociedade Militar recebeu algumas centenas de emails informando sobre supostas declarações do presidente Evo Morales, que teria dito que “invadiria” o Brasil, e que não permitiria um “golpe”. Se referindo a uma possível deposição de Dilma Roussef. Alguns sites respeitáveis republicaram, como provenientes de Morales, termos como “vamos invadir“, “se precisar vamos atacar” etc.

Compreendemos a preocupação de nossos leitores e amigos civis. Contudo, para qualquer militar profissional, uma declaração desse tipo – bastante improvável – soaria como idiota, além de desprovida da ética que deve permear as declarações de um chefe de estado.

O presidente Boliviano disse (veja aqui): “Não vamos permitir golpes de Estado no Brasil e nem na América Latina. Vamos defender as democracias… Pessoalmente, nossa conduta será defender Dilma, presidente do Brasil, e o Partido dos Trabalhadores …’

e  “A direita imperialista quer desarticular os processos revolucionários na América Latina. Nós lutaremos e apoiaremos incondicionalmente os governos de Brasil, Equador, Uruguay, Venezuela, Cuba … é nossa obrigação defender os processos democráticos e a democracia”. (tradução livre)

Para nós, o novo showzinho de Evo Morales não soa como ameaça, na verdade traduz-se em ótima notícia, significa que a esquerda latino-americana reconhece que o governo de Dilma Rousseff chega ao ocaso e que é apenas questão de tempo para que a hegemonia esquerdista também termine na América do Sul. 

Quanto a “invadir o Brasil”, uma “ameaça” desse tipo não merece nem discussões técnicas aprofundadas. 

Não podemos aqui adjetivar os militares bolivianos, haja vista que as declarações partiram de Evo Morales, um político, e não de soldados profissionais. A despeito das falácias do presidente, que não mencionou forças armadas ou invasão, seus generais não seriam irresponsáveis e nunca entrariam numa pendenga com o Brasil. Seria um crime cometido contra seu próprio país.

Se Dilma Roussef ou qualquer outro político for afastado de seu cargo como consequência de um processo conduzido de forma legal, as instituições permanentes aqui existentes estarão prontas para cumprir o seu papel de garantir os poderes constituídos, caso estes sejam ameaçados.

Como foi dito. Não ha qualquer sinal de que exista real ameaça. Contudo, para tranquilizar pessoas mais apreensivas, podemos dizer com segurança que o Brasil tem condições de dizimar quase completamente o exercito boliviano ainda antes que empreendesse sua primeira investida contra nós. Somente com o emprego de nossa artilharia terra-terra, o Brasil pode varrer mais que 50% do território de Evo Morales. Portanto, é tecnicamente impossível que militares bolivianos, com os quais mantemos relacionamentos de camaradagem, típicos de membros da caserna, empreendam qualquer ação que ameace minimamente nossa soberania. 

Se existisse um ranking oficial de poderio militar na America latina, a Bolívia ficaria próximo do último lugar enquanto o Brasil ocupa o primeiro. O exército boliviano sempre esteve mais orientado para ações policiais do que para defesa nacional.

Há apenas dois anos Evo Morales teve que se aquietar quando o Chile o advertiu que parasse de insistir na tão pretendida saída para o pacífico. Na época o presidente chileno deixou claro que se fosse necessário iria defender seu território “com toda a força do mundo“. Evo recuou.

Agosto de 2015.

Revista Sociedade Militar. Obs: A Revista Sociedade Militar Online é em veículo independente, sem vínculos com partidos políticos ou instit. governamentais, que divulga análises, artigos e notícias relacionados à politica, segurança pública e defesa. Contamos com vários militares, oficiais e praças, entre nossos colaboradores.

PT muda estratégia e AGORA diz que APOIA A LAVA-JATO e que aprovar IMPEACHMENT atrapalharia a OPERAÇÃO

2 Comments

2 Comments

  1. carlinho cunha

    2 de maio de 2016 at 8:34 pm

    eles tão querendo é ver a cobra fumar de novo o indio quer mesmo é apito mas eu é que não vou dar essa con-fiança dele botar o bocão no meu entende? se ele anda pelado é problema dele será que está querendo invadir de arco e frecha? escudo e lança? em caso da nudez é melhor nudez duque no nosso. causo incerrado

  2. Adriano

    16 de março de 2016 at 10:44 pm

    Olha gente …nao gosto da dilma ..e nem do lula …aquele presidentisinho da venesuela fica comverçando fiado dimais pro meu gosto ..chamando a naçao brasileira de merda isso e um insulto …e falta da gente entra na venezuela e fase ele engoli a limgua ou corta ela e enfia no rabo dele ….tomara que eles declarem guerra contra o brasil mesmo ….vamos encinar essa cambada de fila da puta respeita a naçao brasileira …cambada de vagabundo ….eu to pronto eu apresento emediatamente para as forças armadas do meu brasil …tenho praser em da tiro na cara desses vagabundo ….pra mim ja ta falando dimais ….e melhor eles respeita a nossa naçao ..se nao o bixo pega …pra esses dois velhos gaga …

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Mais acessados da semana

To Top