Cursos de Formação de SARGENTOS reconhecidos como de nível superior. Mas, nem todos.

Essa semana circulou a informação que dizia que cursos de formação de sargentos foram reconhecidos pelo MEC como de nível superior, com direito a prosseguimento nos estudos. A informação foi emitida pelo Ministério da Educação e publicada pelo site do MONTEDO.

A equipe da Revista Sociedade Militar destaca dois pontos.

1-Os cursos foram reconhecidos como de TECNÓLOGO

2-Não foram todos os cursos de formação de sargentos das três forças que foram reconhecidos como de nível superior / tecnologia.

É importante destacar que o Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia, na medida em que relaciona os cursos superiores de tecnologia, trazendo informações essenciais sobre o perfil profissional do tecnólogo e sobre a organização da oferta do curso, visa, por um lado, subsidiar os procedimentos de regulatórios referentes aos CST e, por outro, orientar estudantes, educadores, sistemas e redes de ensino, instituições ofertantes, entidades representativas de classe, empregadores e o público em geral acerca desses cursos.

sargentos curso superior

Vejam abaixo a lista dos cursos MILITARES reconhecidos como de nível superior.

O eixo tecnológico MILITAR compreende tecnologias relacionados à infraestrutura e processos de formação do militar, como elemento integrante das organizações militares que contribuem para o cumprimento da missão constitucional das Forças Armadas – Marinha do Brasil, Aeronáutica e Exército – de defesa da Pátria e a garantia dos poderes constitucionais, da lei e da ordem. Abrange apoio e preparo de pessoal, operações, logística, manutenção, suprimento, armazenamento, informações, controle do espaço aéreo e controle aéreo de operações navais e terrestres, necessários à condução das atividades militares. A organização curricular dos cursos contempla conhecimentos relacionados a: leitura e produção de textos técnicos; estatística e raciocínio lógico; ciência e tecnologia; segurança e defesa, civismo; tecnologias de comunicação e informação; desenvolvimento interpessoal; legislação; normas técnicas; saúde e segurança no trabalho; responsabilidade e sustentabilidade social e ambiental; qualidade de vida; e ética profissional. O acesso aos cursos requer o ingresso na carreira militar mediante concurso público.

  • EIXO MILITAR CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ARTILHARIA – 1.600h – Dirige, no nível tático, operações militares em situações de paz, crise e guerra em qualquer ambiente terrestre. Coordena atividades relativas à guarda, segurança e defesa de instalações militares, proteção de instalações de infraestruturas críticas, operação de postos meteorológicos e busca, resgate e salvamento de pessoas e equipamentos. Esquematiza a execução e coordena grupo de pessoas em operações de combate, em manutenção da ordem e em apoio à Defesa Civil. Diagnostica situações de riscos de segurança. Implanta, fiscaliza e supervisiona planos de segurança e prevenção de acidentes. Gerencia pessoas. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.
    POSSIBILITA Pós-graduação na área de Ciências Militares, entre outras.

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM CAVALARIA – 1.600h – Dirige, no nível tático, operações militares em situações de paz, crise e guerra em qualquer ambiente terrestre. Supervisiona a guarda, a segurança e a defesa de instalações militares, proteção de instalações de infraestruturas críticas, operações de reconhecimento, de proteção e de inteligência, bem como a busca, o resgate e o salvamento de pessoas e equipamentos. Planeja a execução e coordena grupo de pessoas em operações de combate, em manutenção da ordem e em apoio à Defesa Civil. Diagnostica situações de riscos de segurança. Implanta, fiscaliza e supervisiona planos de segurança e prevenção de acidentes. Gerencia pessoas.Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM COMUNICAÇÕES AERONÁUTICAS – 2.400h – Planeja, controla e supervisiona as atividades de comunicações, busca e salvamento, navegação e vigilância. Gerencia as ações que garantam que os serviços das áreas de comunicações, busca e salvamento e de informática sejam executados de acordo com os procedimentos e padrões especificados nos manuais técnicos/operacionais dos respectivos fabricantes, parques de material e demais órgãos competentes. Analisa a operacionalidade das redes, sistemas e enlaces de telecomunicações utilizados, bem como dos equipamentos elétricos, eletrônicos, de tecnologia da informação e eletromecânicos. Orienta os responsáveis técnicos na aferição e/ou no reparo dos equipamentos, de acordo com os padrões vigentes. Gerencia os sistemas de comunicações, navegação e vigilância vigentes. Fornece suporte técnico/operacional relativo às atividades de controle do espaço aéreo, meteorologia, busca e salvamento e informação aeronáutica, aplicadas em sua área de atuação. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM CONSTRUÇÕES MILITARES – 2.400h – Dirige, no nível tático, operações militares em situações de paz, crise e guerra em qualquer ambiente terrestre. Elabora croquis para a área de operações militares, para reconhecimento do terreno, para segurança e defesa de instalações militares e para proteção de instalações de infraestruturas críticas. Estabelece as etapas dos processos construtivos e chefia pessoas em construção de estradas, em construção e lançamento de pontes, em tratamento e a purificação de água, em remoção, neutralização e destruição de minas e munições falhadas. Fiscaliza a manutenção de vias terrestres em operações militares. Esquematiza a execução e coordena grupo de pessoas técnicas de construções aplicadas às operações de combate, manutenção da ordem e apoio à Defesa Civil. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.
    Possibilidades de prosseguimento de estudos na Pós-Graduação segundo o MEC – Pós-graduação na área de Engenharia Civil. Pós-graduação na área de Ciências Militares, entre outras

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM FOTOINTELIGÊNCIA – 2.400h – Planeja, executa e supervisiona as atividades de inteligência de imagens, sensoriamento remoto e geoprocessamento. Opera equipamentos da área de fotointeligência. Planeja e controla a aquisição, manutenção e distribuição dos materiais afetos à sua especialidade. Planeja e analisa missões de reconhecimento e missões para fins cartográficos e de suporte à inteligência operacional. Executa as funções de navegador-foto, operador de equipamentos especiais e coordenador tático, em missões de reconhecimento, patrulha e em voos aerofotogramétricos, como tripulante orgânico. Controla, fiscaliza e executa as ações de aerolevantamento. Avalia e emite parecer técnico em sua área de formação.
    Possibilidades de prosseguimento de estudos na Pós-Graduação – Pós-graduação na área de Geociências, entre outras. Pós-graduação na área de Engenharia Aeroespacial, entre outras

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GERENCIAMENTO DE TRÁFEGO AÉREO – 2.400h – Gerencia, executa e supervisiona as atividades relacionadas à navegação aérea, à segurança e controle do espaço aéreo, à detecção e interceptação de aeronaves, à prestação dos serviços de tráfego aéreo e informações aeronáuticas, ao serviço de busca e salvamento. Coordena equipes de trabalho. Analisa os conceitos ligados ao controle do tráfego aéreo, baseado na legislação vigente, nacional e internacional. Exerce a função de tripulante orgânico em aeronaves militares que efetuem missões correlacionadas com as suas atividades. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.
    Possibilidades de prosseguimento de estudos na Pós-Graduação Pós-graduação na área de Engenharia Aeroespacial, entre outras.

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE COMUNICAÇÕES MILITARES 1.600h – Dirige, no nível tático, operações militares em situações de paz, crise e guerra em qualquer ambiente terrestre. Planeja atividades de reconhecimento técnico, sistemas de telecomunicações, comando e controle, rede de computadores, segurança e defesa de instalações militares e proteção de instalações de infraestruturas críticas. Planeja a execução e o controle de sistemas de telecomunicações e de rede de computadores em operações de combate. Gerencia pessoas. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.
    Possibilidades de prosseguimento de estudos na Pós-Graduação – Pós-graduação na área de Ciências Militares, entre outras.

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DA MANUTENÇÃO AERONÁUTICA – 2.400h – Planeja e controla a manutenção de aeronaves. Define, conjuntamente com a comissão de avaliação, as propostas de offset de aeronaves e equipamentos adquiridos. Exerce função como tripulante orgânico. Fiscaliza e controla a execução dos manuais e diretivas técnicas dos fabricantes de material aeronáutico. Assessora, tecnicamente, as comissões de aquisição e recebimento de materiais aeronáuticos. Coordena equipes de trabalho. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.
    Possibilidades de prosseguimento de estudos na Pós-Graduação – Pós-graduação na área de Engenharia Mecânica. Pós-graduação na área de Engenharia Aeroespacial, entre outras.

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM INFANTARIA – 1.600h – Dirige, no nível tático, operações militares em situações de paz, de crise e de guerra em qualquer ambiente terrestre. Organiza atividades relativas à guarda, segurança e defesa de instalações militares, proteção de instalações de infraestruturas críticas, busca, resgate e salvamento de pessoas e equipamentos. Esquematiza a execução e coordena grupo de pessoas em operações de combate, em manutenção da ordem e em apoio à Defesa Civil. Diagnostica situações de riscos de segurança. Implanta, fiscaliza e supervisiona planos de segurança e prevenção de acidentes. Gerencia pessoas. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.
    Possibilidades de prosseguimento de estudos na Pós-Graduação – Pós-graduação na área de Ciências Militares, entre outras.

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM METEOROLOGIA AERONÁUTICA – 2.400h – Planeja, coordena, organiza e fiscaliza as atividades desenvolvidas pelas Estações, Centros e Órgãos Aeronáuticos de Meteorologia. Gerencia e avalia as atividades relativas ao previsor de tempo e clima. Realiza a previsão do tempo. Elabora projetos e pareceres estratégicos e táticos na área. Analisa, atualiza e coordena os planos e projetos de interesse civil e militar na área. Propõe publicações, normas técnicas e suas revisões, relacionadas às atividades da Meteorologia Aeronáutica. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.

 

  • CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS DE ARMAS – CURSO PARA OFICIAIS- 2.400h – Planeja e supervisiona as atividades de material bélico do COMAER. Zela pelo estrito cumprimento das normas de segurança existentes, diligenciando na busca de ações necessárias a sua capacitação e a dos recursos humanos sob sua responsabilidade. Assessora, tecnicamente, as comissões de aquisição, recebimento, alienação e descarga de material bélico no COMAER. Gerencia o uso coletivo do armamento, além de aplicar todos os níveis de manutenção previstos. Coordena missões aéreas, nas funções de: artilheiro, observador, operador de equipamentos de bordo e acompanhante de material bélico, de acordo com a sua qualificação operacional. Supervisiona a aplicação das normas vigentes contidas nas publicações técnicas do COMAER, referentes à área de material bélico, propondo modificações aos órgãos competentes. Participa de comissões de certificação e calibração de itens bélicos e avalia as empresas que fabricam e fornecem materiais para o COMAER. Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico em sua área de formação.
    Possibilidades de prosseguimento de estudos na Pós-Graduação – Pós-graduação na área de Ciências Militares, entre outras

Revista Sociedade MILITAR