HOMENAGEADOS os militares que atuaram na intervenção no RIO DE JANEIRO

COM TÉRMINO DAS ATIVIDADES DO COMANDO CONJUNTO, MILITARES QUE ATUARAM NAS AÇÕES DE GLO SÃO HOMENAGEADOS

Rio de Janeiro (RJ) – Na manhã de 28 de dezembro, foi realizada, na Vila Militar, a cerimônia que encerrou as atividades do Comando Conjunto, quando militares das Forcas Armadas que participaram das Operações de Garantia da Lei e da Ordem foram homenageados. Essas operações estão vigentes desde o decreto presidencial de 28 de julho de 2017 e foram prorrogadas em 2018.

A solenidade reuniu cerca de 3 mil militares da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira (FAB), além de mais de 200 veículos e equipamentos utilizados. Todos os militares em forma e meios reunidos representaram apenas 20% de todo o pessoal e meios empregados nas operações. Ao todo, o Comando Conjunto empregou mais de 18 mil militares e mil viaturas e equipamentos.

Durante a solenidade, a tropa e as autoridades militares e do Ministério Público Militar ouviram as palavras de agradecimento do Interventor Federal na Segurança Pública do Rio de Janeiro e Comandante Militar do Leste, General de Exército Walter Souza Braga Netto, que destacou a postura exemplar e o espírito de cumprimento de missão da tropa em todas as operações.

O Comando Conjunto, que encerrou oficialmente suas atividades no dia 31 de dezembro de 2018, buscou reduzir os índices de criminalidade e aumentar a percepção de segurança da população fluminense, seguindo os objetivos estratégicos estabelecidos pela Intervenção Federal. Os resultados tangíveis demonstram que os objetivos principais foram alcançados e o conjunto das ações realizadas nesse período vai deixar um legado para a segurança pública do Rio de Janeiro.

A 1ª Divisão de Exército (1ª DE), comandada pelo General de Divisão Antonio Manoel de Barros, foi o cerne do Comando Conjunto, que recebeu, além da tropas da 1ª DE, militares da 2ª Divisão de Exército; do Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais; do Grupamento de Apoio do Galeão; da ALA 12 (FAB); da Brigada de Infantaria Paraquedista; do Comando de Aviação do Exército; da 12ª Brigada de Infantaria Leve (Aeromóvel); da 11ª Brigada de Infantaria Leve; da 4ª Região Militar; e meios logísticos da 1ª Região Militar. Ombrearam, também, no Comando Conjunto integrantes da Polícia Militar e da Civil do Estado do Rio de Janeiro, da Polícia Federal e da Polícia Rodoviária Federal, da Guarda Municipal do Rio de Janeiro e da Agência Brasileira de Inteligência.

Mais uma vez, o lema da 1ª DE, “Fazendo história! Vencendo desafios!”, se confirmou.

Revista Sociedade Militar — Sugestão recebida de Agência Verde Oliva – http://www.eb.mil.br/web/noticias/noticiario-do-exercito/-/asset_publisher/MjaG93KcunQI/content/id/9471314