Geopolítica / Religião.

Governo colombiano esclarece: Coronel venezuelano foi flagrado com vários passaportes em branco – Terrorismo internacional, narcotráfico e Venezuela

Militar venezuelano flagrado com vários passaportes em branco – Terrorismo internacional, narcotráfico e Venezuela

Fatos e incidentes recentes ajudam a reforçar a tese que diz que o governo Maduro facilita o transito de terroristas e criminosos internacionais, principalmente aqueles ligados ao tráfico de drogas e a organizações como o Hezbollah

Um tenente-coronel venezuelano foi preso essa semana na Colômbia portando 18 novos passaportes venezuelanos já preenchidos, 8 selos de autenticação para passaportes, 7 passaportes em branco, 70 milhões de pesos colombianos, 22 mil dólares e uma soma considerável de dinheiro em euros. O fato aconteceu na segunda-feira, 25 e a mídia aguardava as explicações sobre a motivação da prisão e expulsão do militar.

O Coronel Edgar Lugo Alejandro Pereira é funcionário do Ministério das Relações Exteriores, membro da chancelaria venezuelana, é muito suspeito que ingresse na Colômbia como turista comum. Uma conexão na cidade do Panamá, entre Bogotá e Caracas, também é vista como algo  muito estranho.  Junto com seus dois companheiros, Mildred Josefina Hernandez e Jenny Praça yamel Rivas Gonzalez, ele tina entrado pela cidade de Cartagena, em 20 de março.

O militar e acompanhantes foram expulsos e serão impedidos de entrar na Colômbia por 10 anos.

Veja o artigo: Terrorismo e Tráfico internacional – Risco REAL E IMEDIATO de surgimento de região de conflito na Amazônia

Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Mais acessados da semana

To Top