Forças Armadas

Deputado MILITAR quer câmeras de RECONHECIMENTO FACIAL em  praças, rodoviárias e outros locais públicos

Subtenente Everton, deputado MILITAR, quer câmeras de reconhecimento facial em  praças, rodoviárias e outros locais públicos

O deputado Subtenente Everton, que é deputado estadual no Paraná, apresentou projeto de lei com o intuito de obrigar o estado a implantar um sistema de monitoramento com base em câmeras de alta tecnologia que poderia identificar elementos perigosos para a sociedade que estejam transitando em vias públicas.

O parlamentar acredita que provocará um “up” na segurança pública. Ele deixa claro também que deve haver ferramentas legais para impedir o uso com outras finalidades. O projeto está sendo encaminhado para a Comissão de Constituição e Justiça para verificação de possíveis inconstitucionalidades ou afronta a legislação vigente.

A tecnologia foi bastante abordada ha alguns meses quando um grupo de parlamentares do PSL viajou até a China para conhecer o sistema de reconhecimento e monitoramento facial utilizado pelo país. A Revista Sociedade Militar publicou material sobre o caso. Parte da sociedade e até o filósofo Olavo de Carvalho, amigo do presidente da república, se manifestaram contra a viagem À CHINA e uso da tecnologia produzida lá. Todavia, ao que parece, as reservas são mais quanto a origem da tecnologia do que em relação a utilidade e aplicabilidade em nosso país para incremento do sistema de segurança pública.

Sistemas de reconhecimento facial já são oficialmente utilizados em áreas urbanas de cidades como BERLIM e LONDRES e – acredita-se – que é utilizado de forma sigilosa em vários outros locais do mundo.

Post indicação de ST-R1 Edson.

Projeto de Lei

Revista Sociedade Militar

VEJA: Inversão! Bolsonaro fez campanha para mostrar que generais teriam “MORDOMIAS E VANTAGENS” e lutou para que ASSOCIAÇÕES DE MILITARES fossem ouvidas

Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Mais acessados da semana

To Top