fbpx
Forças Armadas

Mourão : “Não é uma floresta em chamas”. Vice – presidente diz que ações do governo são sempre interpretadas como “passo predatório”

Compartilhe

Em live ocorrida nessa manhã, promovida pelo O Instituto para a Reforma das Relações entre Estado e Empresa (IREE), o vice-Presidente da República Hamilton Mourão conversou com o ex-Ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional Sergio Etchegoyen e o ex-Ministro da Defesa e da Segurança Pública Raul Jungmann, vários convidados assistiram, entre eles algumas personalidades importantes, como o General Villas Bôas, ex comandante do Exército, Aloizio Nunes e o brigadeiro Rossato.

O vice-presidente fez algumas colocações interessantes e esclarecedoras.

Quando confrontado com a informação de que o primeiro ministro francês estaria insatisfeito com a situação das queimadas no país Hamilton Mourão iniciou de forma irônica sua resposta, dizendo: “opinião do Primeiro Ministro francês…” em tom irônico, deixando claro, nas entrelinhas, que o político lá da França pouco entende na nossa floresta e muito menos tem o direito de aqui dar pitaco. Mourão lembrou ainda que na Guiana Francesa há vários garimpos ilegais e desmatamento.

O vice-presidente disse que dos 90 mil focos de calor observados cerca de 1/3 são em áreas rurais, outro 1/3 são em áreas urbanas ou já colonizadas e somente 1/3 são em unidades de conservação ou terras indígenas. Deixando claro que falta um pouco de esforço na interpretação dos dados divulgados.

Sobre o desenvolvimento sustentável da região o general comentou que há projetos importantes, disse que há previsão constitucional para mineração em terras indígenas, que todos os últimos governos apresentaram projetos nessa linha e que se o governo Bolsonaro pressionar nesse sentido isso será visto como “um passo predatório”.

O general lembrou que na Amazônia os rios são as estradas, disse  que a maior parte das vias fluviais não tem sinalização ou balizamento adequado. O vice-presidente lembrou que a Marinha do Brasil faz o serviço, mas deixou claro que o ideal é que isso seja executado pela iniciativa privada.

A gravação da live já está a disposição no YOUTUBE, disponibilizamos abaixo.

Compartilhe
Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Mais acessados da semana

To Top