Militar da Marinha CONDECORADA com Medalha Chiquinha Gonzaga pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro

A Câmara Municipal do Rio homenageou a primeira oficial general do sexo feminino no Brasil com a  medalha CHIQUINHA GONZAGA. 

ALmirante DALVA, medalha Chiquinha Gonzaga

A medalha Chiquinha Gonzaga é uma condecoração criada pela Câmara Municipal da cidade do Rio de Janeiro para personalidades do sexo feminino que se destacam em prol das causas democráticas, humanitárias, artísticas e culturais no âmbito da União, estados e municípios. A Medalha foi instituida pelo Projeto de Resolução 14/1999 da Câmara Municipal.

O processo iniciou-se com a indicação feita pela Associação Bancada Militar.  O requerimento de concessão da condecoração para a Almirante Dalva Maria Carvalho Mendes, Req 587/2018 do Vereador Otoni de Paula, foi aprovado por unanimidade pela Câmara dos Vereadores (Resolução 9758).

Texto da Resolução aprovada pala Câmara Municipal

A Mesa Diretora da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, no uso de suas atribuições legais e, tendo em vista o Requerimento nº 587 de 2018, de autoria do Senhor Vereador OTONI DE PAULA aprovado em Sessão Plenária de 28 de março de 2018,

Resolve: Art. 1º Conferir a Medalha de Reconhecimento Chiquinha Gonzaga à Senhora DALVA MARIA CARVALHO MENDES – Almirante da Marinha do Brasil.

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.

Câmara Municipal do Rio de Janeiro, 4 de abril de 2018

Na cerimônia estavam presentes vários militares e convidados civis. Foram citados com destaque: o Comandante do Primeiro Distrito Naval, Vice-Almirante José Augusto da Cunha Menezes; o presidente do Clube Naval, Almirante Rui da Fonseca e o Contra Almirante Luis Carlos Delgado, além do Sargento Antônio Carlos de Aragão, presidente da Associação Bancada Militar.

O evento ocorreu nessa quarta-feira – 11/04/2018 – nas dependências do Clube Naval, na Avenida Rio Branco, no centro do Rio de Janeiro.

O autor da proposta para a concessão da condecoração, vereador Otoni de Paula, em seu discurso mencionou que nos últimos anos as Forças Armadas pagam um alto preço por conta das ações empreendidas nos anos 60 para preservar a democracia no país. O vereador destacou também a importância de declarações proferidas por militares nos dias que antecederam o julgamento do Hábeas Corpus do ex-presidente Lula.

quando as forças armadas levantam o pavilhão nacional dizendo que estão atentos a cada passo dado na nação logo se organiza a casa porque ninguém ainda perdeu totalmente o juízo”, disse o vereador.

Otoni de Paula disse ainda que a concessão da medalha Chiquinha Gonzaga para a Almirante Dalva foi aprovada por unanimidade pela Câmara de Vereadores da Cidade do Rio de Janeiro e que – portanto – o ato representa o pensamento de todos os parlamentares daquela casa.

Dalva Maria Carvalho Mendes entrou para a história como a primeira oficial general do sexo feminino das Forças Armadas brasileiras. Em seu discurso a militar, além de agradecer a parentes e amigos pelo apoio durante o início de sua carreira, destacou algumas características da personagem que empresta o nome a condecoração, entre eles o fato de Chiquinha Gonzaga ter sido uma pioneira na luta pelos direitos humanos.

A associação BANCADA MILITAR promove nessa sexta-feita – 13 de abril – evento (VEJA AQUI) onde serão apresentadas as lideranças que devem atuar junto de Jair BOLSONARO durante o ano de 2018.

*Fotografia E.Alarcon.

Revista Sociedade Militar