fbpx
POLÍCIA - SEGURANÇA PÚBLICA - GUARDA MUNICIPAL

Oficiais só terão uma promoção por ano. Por 16 x 7 a nova lei foi aprovada no Mato Grosso

Compartilhe

A Assembleia Legislativa do Mato Grosso reduz as perspectivas de promoção de oficiais da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros do estado. A norma diminui sensivelmente a promoção por merecimento a coronéis da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros.

A partir da aprovação as promoções ocorrerão somente uma vez ao ano, em 05 de setembro para policiais militares e em 02 de dezembro para bombeiros militares.

O deputado Elizeu Nascimento, que é militar, disse que a provação pode abrir precedente para que haja a promoção de outras patentes como os praças e oficiais.

“Esse projeto é um retrocesso. É nada mais que um Cavalo de Troia e vai prejudicar muito os profissionais com o prazo de promoção. O único que ganha com a aprovação desse projeto é o Governo do Estado. Pois, deixa de se promover em abril, para promover em setembro, deixando a promoção de quatro ou cinco oficiais em abril para o ano que vem”, disse o deputado Elizeu Nascimento,  militar.

Nascimento teme que a coisa acabe “respingando” nos militares de menor patente.

“Prejuízo, sim. Isso é um possível efeito cascata que pode vir à tona e prejudicar os praças e oficiais. É retrocesso e prejuízo a essa categoria”, acrescentou.

Já o líder de Governo, o deputado Dilmar Dal’Bosco, explicou que o projeto trata apenas da promoção de tenente-coronel a coronéis e que não haverá prejuízos para ninguém de outras patentes.

“Esse projeto é muito simples. Em setembro terá mais vagas e isso diminuirá custos ao Estado. Nós não vamos aceitar que altere alguma coisa, a não ser o que já está previsto no projeto de lei”, disse antes da votação, que passou sem alterações.

Revista Sociedade Militar

Compartilhe
Click to comment

You must be logged in to post a comment Login

Leave a Reply

Mais acessados da semana

To Top